Logo-carla cintia semfundo.png

CARLA CINTIA CONTEIRO
Escritora e Consultora
para edição e publicação de livros

  • Prêmio Paulo Mendes Campos
    Melhor Livro de Crônicas
    União Brasileira de Escritores (UBE) - 2010
  • IV Prêmio Clube de Autores
    de Literatura Contemporânea - 2013
  • Prêmio Uirapuru - 2019
  • Finalista do Prêmio SESC Nacional - 2010
3b65d74b-d08c-45ec-986d-46f316c0cbc5_edi
 
QUEM É ESTA ESCRITORA?

Carla Cintia Conteiro é carioca, nascida e criada no remoto bairro de Campo Grande, onde adquiriu o vício de imaginar outras vidas possíveis. Além de escritora, é empreendedora cultural, professora, tradutora e administra a empresa Quimideias com seu sócio. É Bacharel em Ciências da Computação e já trabalhou na área de TI, em empresas como Petrobras e CCAA, franqueou livros infantis personalizados e produziu revistas. Especializou-se em Marketing Digital. É flamenguista, casada e mãe orgulhosa de um belo e talentoso artista. Está sempre ligada e conectada, por isso, precisa praticar ioga.

 

Crê que não está morto quem peleja e que o mundo é grande o suficiente para caber todo mundo.

 

Inquieta e inimiga da rotina, está sempre buscando novos desafios. 

Gosta de samba e se interessa por tudo que envolva Cultura, na definição ampla da palavra.

 

Como qualquer mulher do nosso tempo, vive equilibrando pratos. 

 

Escreve porque não consegue evitar e tem certeza de que fora da arte não há solução.

 

Aqui você encontra um apanhado do trabalho por ela realizado ao longo dos anos. 

 
LANÇAMENTO
capa Sem Interrupções 1.jpg

Vencedor do Prêmio Uirapuru

Editora Folheando

“Em algum momento, você perceberá que acumulou demais do que é preciso entregar a alguém. Quem quer receber o tanto de afeto que temos dentro do peito? Quem tem tempo de ouvir tantas histórias que guardamos como tesouros em nossos corações? Quem se desperta com nossas elucubrações? Para não sufocar os desavisados com os produtos da nossa alma, da nossa ternura, da nossa sede insaciável de viver, nós engolimos tudo isso como dá. Em algum lugar existe – há de existir! – com quem ou como dividir tudo o que nos está transbordando sem uso.”

MEUS LIVROS

Krainen & Kraken

A Conteira

O Ponto Aumentado

Fel Amargando Felicidade

Gilberto Gil
L'enchanteur tropical

Caetano Veloso
L'âme brésilienne

COLETÂNEAS

Se tens um dom, SEJA!

Acaba não, Mundo

Construtoras do Bem

 

Parceiros Reais

2ª Coletânea Poética

Entrelaçados

Cronicidades

Vigor de Primavera

2020 O mundo parou

Na imprensa